Archive for the É necessário orar! Category

Radicais islâmicos proíbem aperto de mão entre homem e mulher na Somália

Posted in É necessário orar!, Notícias on janeiro 9, 2011 by identidadeblog

 

 

O grupo islamista radical al-Shabab proibiu o aperto de mãos entre homens e mulheres na cidade de Jowhar, no sul da Somália.

Além de proibir o aperto de mãos interssexual, a organização também vetou conversas em público e até o caminhar lado a lado entre homens e mulheres sem laços familiares.

O governo do al-Shabab afirma que todo aquele que for flagrado descumprindo as regras será julgado segundo a lei islâmica, a Sharia.

O correspondente da BBC em Mogadíscio Mohamed Moalimuu afirmou que a punição cabível provavelmente seria flagelação em praça pública.

‘Manifestações não-islâmicas’

A maioria das rádios da Somália já suspendeu a execução de músicas seguindo as ordens de grupoos islâmicos influentes como o al-Shabab e o Hizbul-Islam, que consideram canções manifestações não islâmicas.

As rádios afirmam que tiveram que obedecer as ordens dos insurgentes, caso contrário, vidas de funcionários seriam postas em risco.

Algumas rádios passaram a transmitir poemas tradicionais no lugar de música.

A Somália não tem um governo central estável desde 1991, e militantes islâmicos controlam grandes partes do território.

O governo de transição, com o apoio de soldados da União Africana e fundos da ONU, controla apenas uma pequena parte da capital, Mogadíscio.

Em 2009, militantes chegaram a proibir filmes e futebol e obrigaram os homens a usarem barbas em algumas regiões.

 

Fonte: G1; Por Matheus Padora

Anúncios

Niver ID

Posted in Alerta I.D., É necessário orar!, Colaboração, Eventos, Mobilizações, Uncategorized with tags , , on agosto 12, 2010 by identidadeblog

PESSOAL!!!

SÓ PARA LEMBRAR VOCÊS QUE ESTE FINAL DE SEMANA, DIAS 14/15/16 ESTAREMOS COMEMORANDO O ANIVERSÁRIO DA ID – REDE IDENTIDADE.

VOCÊ ESTÁ MAIS DO QUE CONVIDADO(A) A IR. SEGUE O LINK PARA ESTAR COLOCANDO NOS ORKUTS www.lastframe.com.br/ftp/id2anos.jpg

VALE LEMBRAR TAMBÉM QUE   H O J E  VAMOS TER ORAÇÃO E A ÚLTIMA REUNIÃO ANTES DO EVENTO, ENTÃO, VOCÊ QUE ESTÁ ENGAJADO EM ALGUMA ÁREA, ESTAREMOS TE ESPERANDO, COMEÇARÁ AS 20HORAS.

VENHA, SEJA ABENÇOADO E ABENÇOE!!

Fiquem na Paz

PRI

Pior que é verdade…

Posted in Alerta I.D., É necessário orar!, Uncategorized on maio 8, 2010 by identidadeblog

Placa da Sepal em conferência sobre missões.

Falou comigo e com você?

Placa

Clube do Pr. Malafaia? Esse negócio é sério?

Posted in Alerta I.D., É necessário orar!, Notícias on abril 8, 2010 by identidadeblog
 
TOMA LÁ DÁ CÁ. 
A RECIPROCIDADE GOSPEL
Murdock no programa do pastor Silas Malafaia. 
Segundo imagens do programa transmitido pela Televisão, três bênçãos serão liberadas por R$ 1.000,00. 
Quer comprar? 
As indulgências voltaram e novos “Tetzels” aparecem, só ainda não aparecer um Lutero, que tanto lutou contra elas. A história é cíclica e as nossas piores aberrações teológicas estão sempre de volta.
Satanás também é o mesmo ontem, hoje, mas não o será sempre.
Aproveite a oferta, pois o preço parece estar subindo rapidamente. 
Em programa anterior, o Moris Cerullo, pedia R$ 900,00. Silas abriu espaço em seu programa para o tipo de mensagem que no passado combatia com veemência. Os mantenedores do programa, que são milhares, querem saber se ocorrerão outras mudanças ainda mais profundas.
O mundo gira, mas nós não podemos girar com ele……

Não podemos dizer que não fomos avisados a respeito da infiltração satânica na Igreja. Um festival das doutrinas mais bizarras.

Um ser humano não consegue se comportar de forma normal em grandes alturas. Lá, o ar da humanidade se torna rarefeito e gera Mega Delírios.

A mãe de todas as abominações é a mesma que constrói seus bezerros de ouro. O institucionalismo religioso está gerando os seus frutos mais amargos.
 

Ainda há tempo para arrependimento e voltarmos ao primeiro amor. Vamos fazer isto antes que seja tarde demais. 
Não temos o direito combater pessoas, principalmente quando estas já contribuíram tanto com a propagação do Evangelho, como fez o Pr. Silas Malafaia até pouco tempo. Honra a quem merece honra e jamais se alegrar quando uma estrela, mais do que honrada, cai ou ameaça cair. Estrelas não caem, mas detritos espaciais e lixo tecnológico, sim, mas se cair, que não leve consigo os que são atraídos por seu poder de gravidade.

Pr. Silas é vice presidente de uma das maiores denominações Evangélicas do Brasil e sempre procurou se mostrar muito criterioso e ético, é difícil vê-lo embarcando nesta canoa furada. Vamos orar para que os seus olhos sejam abertos. 

Uma pessoa pública é passível de críticas, mas é um alvo, que sofre assédios de toda espécie. Apelo para que não insistamos tanto com as críticas quanto insistiremos com as nossas orações a seu favor, pois o mal está batendo à sua porta e devemos nos unir em torno desta batalha. 

Nestes momento sempre aparece alguém dizendo: – Tá vendo, eu não disse!!!!! Talvez estes precisem de orações mais insistentes ainda.

Também haverá os que tentarão subir na cauda de um cometa famoso, mesmo que seja para bater nele. Em torno de celebridades orbitam fãs e críticos. Todo mundo gosta de aparecer.

Precisamos buscar a motivação correta. Glória, só para Deus.

Sei que é preciso vender livros para sobreviver, e um posicionamento claro pode construir barreiras, mas chegou o momento de deixar de lado posições politicamente corretas. A verdade não é costurada com alianças, ela subsiste por ela mesma. Somente a verdade nos libertará, por mais que doa.

Prefiro ser perseguido por causa da justiça, do que compactuar. Por isto mesmo, incentivo aos meus colegas Editores e livreiros a continuarem se posicionando, pois o momento é grave.

Qualquer dúvida consulte no seguinte site:

http://www.vitoriaemcristo.org/_gutenweb/_site/hotsite/clube1M/

Qual a sua opinião sobre isso?
Polêmica a vista!

Os dez mandamentos do namoro cristão!

Posted in Artigos, É necessário orar!, Uncategorized on fevereiro 5, 2010 by identidadeblog

Não esqueça dos limites

1. Não namore por lazer: namoro não é passatempo e o cristão consciente deve encarar o namoro como uma etapa importante e básica para um relacionamento duradouro e feliz. Casamentos sólidos decorrem de namoros bem ajustados.

2. Não se prenda em um jugo desigual (II Co 6:14-18): iniciar um namoro com alguém que não crê em Deus pode resultar em um casamento equivocado.

3. Imponha limites no relacionamento: o namoro moderno, segundo o ponto de vista dos incrédulos, está deformado e nele intimidade sexual ou práticas que levam a uma intimidade cada vez maior são normais, mas o namoro do cristão não deve ser assim, o que nos leva ao próximo mandamento.

4. Deus criou o sexo para ser praticado entre duas pessoas que se amam e têm entre si amor e um compromisso permanente, ou seja “casamento”.

5. Promova o diálogo e a comunicação: conversar é essencial, estabeleça uma comunicação constante, franca e direta e não evite conversar sobre qualquer assunto.

6. Cultive o romantismo: a convivência a dois deve ser marcada por gentileza, cordialidade e romantismo. Isso não é cafona, nem é coisa do passado e traz brilho ao relacionamento.

7. Mantenha a dignidade e o respeito: o namoro equilibrado tem um tratamento recíproco de dignidade, respeito e valorização. O respeito é imprescindível para um compromisso respeitoso e duradouro. Desrespeito é falta de amor.

8. Pratique a fidelidade: infidelidade no namoro leva à infidelidade no casamento. Fidelidade é elemento imprescindível em qualquer tipo de relacionamento coerente à vontade de Deus, que abomina a leviandade.

9. Assuma publicamente seu relacionamento: uma pessoa madura e coerente com a vontade de Deus não precisa e nem deve lutar contra seus sentimentos ou escondê-los.

10. Forme um triângulo amoroso: namoro realmente cristão só é bom a três: o casal e Deus. Ele deve ser o centro e o objetivo do namoro. Deixe Deus orientar e consolidar seu namoro. Viva integralmente as bênçãos que Deus tem para você através do namoro.

Fonte: http://gabrielabethel.blogspot.com/

Contato físico no namoro

Posted in Artigos, É necessário orar! on fevereiro 4, 2010 by identidadeblog

Um dos temas mais polêmicos no namoro tem sido como deve ser o contato físico entre o casal. Essa questão tem trazido tantos problemas que muitos casais optam por simplesmente abdicar de qualquer contato físico afim de não correrem riscos. Essa atitude, que num primeiro momento parece ser bem segura, pode trazer sérios problemas depois para a relação. O que precisamos aprender é até onde podemos ir sem cometer pecado.

O maior inimigo no contato físico é a defraudação. Essa palavra aparece como pecado específico em 1 Ts 4.6, nesse texto, inclusive, refere-se a mesma com conotação sexual, e Paulo desafia os crentes à santidade. Defraudar é promover em uma pessoa um desejo que você não pode satisfazer. No caso do namoro, por exemplo, ocorre quando o rapaz ao acariciar demasiadamente sua namorada, deixa-a excitada, como ambos não podem consumar o ato sexual, ocorre à defraudação. Da mesma forma uma jovem usando uma roupa sensual pode excitar sexualmente o rapaz, cometendo o mesmo pecado. Existem beijos e abraços que não combinam com um namoro santo. Você conhece o seu limite, avise ao seu namorado, se não sabe, procure descobrilo antes de se aventurar nessa área. Se beijar o leva a pecar, não beije, se abraçar o leva a pecar, não abrace, agora se pegar na mão da sua namorada ou do seu namorado o leva a pecar, o melhor a fazer é ir a um psicólogo, pois você tem algum problema. O mundo pressiona rapazes e moças a ter um namoro carnal, sexual, nós, cristãos, somos taxados de antiquados, puritanos ou até “maricas”. No entanto, uma relação com sexo e defraudação tem destruído os sentimentos e promovido somente dor e insegurança. É claro que é um grande desafio vencer essa área, mas é plenamente possível, se o casal buscar no Espírito Santo.

O pastor Levi Espínola no Livro, “Perigo Defraudação”, da editora Profetizando Vida, dá algumas dicas para conduzir bem essa área: Evitar namorar todos os dias. Não namorem por muitas horas sozinhos. Não namorem em lugares ermos. Não fiquem a sós na casa um do outro. Não namorem sem antes orar; estudem a Bíblia juntos e estejam sempre em ministério e célula. Evite roupas provocantes. Como diz o ditado “a situação faz o ladrão”, portanto, vigiem para que o pecado da defraudação não destrua o relacionamento de vocês!

:: Por Pr. Richarde e Priscila Guerra
Pastores da Mocidade Lagoinha

Fonte: http://www.lagoinha.com/engine.php?pag=art&sec=1&cat=18&art=17137

Em meio aos destroços, haitianos buscam refúgio na fé

Posted in Artigos, É necessário orar!, Notícias on janeiro 25, 2010 by identidadeblog
 
PORTO PRÍNCIPE, Haiti – Cinco dias depois do devastador terremoto que atingiu o Haiti, um pastor evangélico vestindo uma camiseta pólo desgastada, com sua igreja destruída mas o espírito vibrante, tocou uma sirene para reunir os novos sem-teto que vivem em barracas na cidade para a missa de domingo.

Fiéis improvisam culto em Porto Príncipe

Com a voz rouca, os olhos inchados e braços erguidos aos céus, o reverendo Joseph Lejeune pediu aos famintos, feridos e pesarosos haitianos reunidos ao seu redor que fechassem os olhos e elevassem os pensamentos para além da fétida praça Champ de Mars, onde agora lutam para sobreviver.

“Pensem na nossa nova cidade aqui como o lar de Jesus Cristo, não como a cena de um desastre”, ele falou. “A vida não é um desastre. Vida é alegria! Você não tem comida? Se alimente do Senhor. Não tem água? Beba do espírito santo.”

E eles beberam, cantando, balançando as mãos e tapando os narizes para evitar o cheiro dos corpos presos em uma escola perto dali. Helicópteros militares zumbiam sobre sua cabeça e os crentes almejavam a eles e além, se libertando durante algumas horas do trecho de concreto sobre o qual buscaram abrigo sob lençóis amarrados a postes.

Em versões variadas, esta cena se repetiu por toda a capital haitiana no domingo. Com muitas de suas igrejas destruídas e seus padres e pastores mortos, os haitianos desesperados por ajuda e conforto se voltaram a Deus em busca de alívio para sua aflição. Carregando bíblias, eles atravessaram ruas empoeiradas e cheias de entulhos, em busca de locais para a oração. As igrejas, normalmente cheias com paroquianos fiéis nas manhãs de domingo, acordaram aos pedaços.

Mulher participa de culto

Em um sinal da importância das igrejas aqui, o presidente Rene Preval reuniu líderes religiosos juntamente com líderes políticos e empresariais na delegacia de polícia que se tornou sua sede. Ele pediu às igrejas, em particular, que se concentrem em alimentar as pessoas, mas deu pouca orientação sobre o que o governo fará para ajudar.

Não longe da igreja evangélica provisória na praça Champs de Mars, fiéis se reuniram diante das ruínas da principal catedral da cidade para ouvir um apelo por paciência feito por um bispo.

“Nós temos que manter a esperança”, disse o Bispo Marie Eric Toussaint, embora ele tenha reconhecido não ter nenhum recurso para ajudar os muitos que estão sofrendo e achar difícil declarar com qualquer confiança se a catedral será reconstruída.

Construída em 1750, a catedral, antes uma peça arquitetônica importante da cidade, agora não passa de uma gigantesca pilha de metal trançado, vitrais quebrados e concreto rachado. Toussaint disse que o terremoto destruiu as residências dos padres, matando muitos deles.

A catedral de Sacre Coeur, outra grande estrutura, também foi destruída, e um grande Cristo na cruz perfeitamente preservado restou como testemunha da destruição – com o corpo de uma mulher deitado sobre um colchão na rua, coberto com lençóis, representando o sofrimento causado pelo terremoto.

“Pode parecer um momento estranho para se ter fé”, disse Georges Verrier, 28, especialista em computação desempregado, seus olhos se movendo entre o corpo e a igreja. “Mas você não pode culpar Deus. Eu culpo o homem. Deus nos deu a natureza e nós os haitianos e nossos governos, abusamos da terra. Você não pode escapar sem consequências.”

Em um tom parecido, um autodesignado pastor na praça Champs de Mars se colocou sobre uma cratera durante o serviço de oração e proclamou que o terremoto foi o castigo por uma longa lista de pecados que enumerou em cantarola. “Nós temos que nos ajoelhar e pedir a Deus”, ele disse.

Fiéis oram nas ruas, pois as igrejas foram destruídas

Vladimir Arisson ignorou o autodesignado pastor com um rolar de olhos. Arisson cuidava de sua namorada gravemente ferida, Darphcat Charles cuja cabeça estava envolta em uma gaze ensanguentada, seus olhos machucados e sua face inchada, infectada. “Minha posição é: Deus abençoe e nos envie, por favor, ó Deus, um médico para fechar o buraco na cabeça da minha amada.”

Outro homem que acompanhou o serviço evangélico apresentou sua esposa que está grávida de oito meses e se sentou no chão, pálido. “Um bloco de concreto caiu sobre a barriga dela e nós não sabemos se o bebê ainda está vivo”, disse o homem, Ricot Calixte 28. “Rezar pode ajudar, eu acho. Como ainda respiro, ainda tenho fé”.

Ao redor deles, na missa, os aplausos e améns intensificaram na cidade de barracas que não tem nenhuma barraca de verdade, apenas tendas improvisadas. O acampamento central na praça Champ de Mars é a igreja provisória de Lejeune, que no seu prédio original destruído contava com 200 membros ativos, três dos quais foram mortos e muitos estão desaparecidos.

“Aqui nós começamos diariamente com o que eu chamo de missa do café da manhã,” ele disse antes da missa de domingo. “Nós não temos café, claro. Mas essa é uma reza para nos acordar e nos fortalecer quando olhamos para frente e pensamos, ‘Ai, e agora?'”

Ele pausou, esfregando o nariz por causa do odor de restos humanos e acrescentou: “Uma igreja em um banheiro, é isso que nós somos. Por enquanto.”

Por DEBORAH SONTAG

Fonte: http://ultimosegundo.ig.com.br/new_york_times/2010/01/18/em+meio+aos+destrocos+buscando+refugio+na+fe+9349077.html